Como vender uma coleção de selos postais antigos

Coleção de selos postais antigos

Se é uma daquelas pessoas que tem ou herdou uma coleção de selos postais antigos e não sabe o que fazer com eles, saiba que a venda de alguns ou de todos os exemplares pode ser bastante lucrativa. Conheça a melhor forma de vender selos postais antigos.

Existem determinados aspetos que deve ter em atenção na venda dos seus selos postais mais antigos. Dos mais importantes, destacam-se os seguintes:

Conhecer o tipo de filatelia da sua coleção

Este é o ponto de partida para todas as pessoas que querem vender os seus selos postais mais antigos. É necessário conhecer o tipo de filatelia que a coleção de selos que tem em mãos se baseia. Existem vários tipos de filatelia, como por exemplo, a filatelia temática, moderna, tradicional, juvenil, entre outras. Cabe ao filatelista descobrir o tipo que melhor ilustra e categoriza a sua coleção. Para vender algo e para o fazer bem, é necessário conhecer o que se está a vender e é por isso que o conhecimento do tipo de filatelia é de extrema importância.

Analisar o estado da coleção de selos

Um dos pontos obrigatórios passa pela análise e verificação do estado dos selos postais. O facto de serem antigos, poderá querer dizer que estão desgastados ou impróprios para exposição. Dessa forma, deve dedicar especial atenção ao grau de conservação que os selos apresentam e, se possível, ordená-los por temas, país de origem e ano de impressão. Assim conseguirá verificar se uma determinada coleção está bem conseguida. Caso detete que lhe falta algo, deve-a completar ao máximo, pois uma coleção de selos postais bem conseguida vale muito mais que um selo de correspondência ao acaso.

Preservar todos os materiais filatélicos

Na filatelia, existem materiais filatélicos que podem acrescentar valor aos selos postais antigos. Para tal, é fundamental que se encontrem intactos e em boas condições de exposição. Por exemplo, um envelope pode ter um determinado tipo de selo raro ou carimbo e isso pode ser um objeto de valor incalculável.

Avaliar o valor real dos selos

É necessário fazer uma avaliação dos selos postais que estão na sua posse para os vender ao preço correto de mercado. Pode fazê-lo com ou sem a ajuda de um especialista. Se não quiser o auxílio de um profissional, deve sempre validar os preços dos selos antigos que vai vender junto de uma sociedade de filatelia, caso contrário poderá perder muito dinheiro com isso. Contudo, o ideal passa sempre por recorrer à ajuda de um especialista, pois ele tem a tarimba necessária para o ajudar a vender a sua coleção pelo melhor valor.

Listar os selos mais valiosos

Este é um dos últimos passos para vender com sucesso os seus selos postais antigos. Deve-os listar de acordo com a sua importância e valor, isto é, em primeiro lugar devem aparecer os selos mais valiosos e conhecidos e só depois é que devem surgir os restantes. Esta é uma das técnicas mais utilizadas na venda de produtos e, no caso particular dos selos, esta medida não é exceção. Trata-se da melhor forma de atrair a atenção de eventuais compradores e de obter os melhores resultados de venda.

Apresentar e colocar a sua coleção à venda

Deve ter em atenção que um filatelista é uma pessoa metódica e observadora e, como tal, a sua coleção deve estar o mais asseada e organizada possível. Ao fazê-lo está a ganhar pontos muito importantes junto de uma comunidade específica que mais tarde podem fazer toda a diferença no momento de negociar a sua coleção. No que diz respeito à colocação da sua coleção, deve procurar mostrar os seus selos antigos junto dos vários clubes locais de filatelia e/ou utilizar a internet e os respetivos websites de leilões para vender os seus selos postais.

A sua votação: